Visão geral do Malakit

O projeto Malakit é um estudo piloto que visa avaliar uma nova estratégia de controle da malária em pessoas que trabalham nos garimpos ilegais na Guiana Francesa.

Esta estratégia é baseada na distribuição gratuita de kits de autodiagnóstico e de autotratamento da malária, tudo em uma embalagem inteligente, com um treinamento apropriado, nas bases de logísticas dos garimpeiros, repartidos ao longo dos rios-fronteira Maroni e Oiapoque.

O kit

O kit é um estojo de plástico transparente, leve e resistente a água, fácil de transportar.

O estojo é dividido em dois compartimentos, um contendo três testes de diagnóstico rápido da malária e o segundo um tratamento completo em uma associação de Artemeter 20mg/lumefantrina 120 mg (Coartem®) e uma dose única de 15 mg de primaquina assim como paracetamol. Instruções ilustradas em português são impressas diretamente nos estojos de plástico.

O applicativo

Um aplicativo para telefone foi desenvolvido especificamente para este projeto. Encontra-se informações à base de desenhos e vídeos sobre a malária em geral, assim como sobre o projeto Malakit, os locais de distribuição do kit, por exemplo. Ele também contem vídeos explicando como realizar um teste de diagnóstico rápido e um guia passo a passo para ser utilizado em caso de sintomas da malária ajudando os participantes a utilizar o Malakit, ao mesmo tempo lembrando-lhes as precauções de utilização. Depois de ter iniciado o tratamento, o aplicativo envia notificações para lembrar o participante de tomar cada dose do tratamento contra a malária.

Notícias e Recursos